Consumo de energia por empresas no Brasil: análise e soluções

Energia 12 jan 2021

Sem dúvidas o consumo de energia é um dado que precisa e merece a atenção de empresários de todos os segmentos.

 

Principalmente porque, em meio a uma pandemia, não tem sido fácil lidar com as contas. Elas precisam fechar no fim do mês! Portanto, mais do que nunca, é necessário olhar para todos os gastos, brechas e oportunidades para reduzir custos e aumentar a margem de lucro.

 

De acordo com pesquisas do SEBRAE Mato Grosso sobre gastos do meio empresarial, 15,44% dos custos das empresas do estado vem do consumo de energia elétrica.

 

Porém você sabia que essa porcentagem pode diminuir ainda mais? Neste artigo vamos analisar o consumo de energia por diferentes segmentos de empresas brasileiras e ainda trazer soluções que podem contribuir para a economia da sua organização. Vamos?

Analisando os 3 principais setores no consumo energia

 

Quando falamos sobre gasto de energia e consumo, alguns setores se destacam frente a outros. Por exemplo, a indústria sempre sai na frente dos gráficos do consumo de energia elétrica no Brasil! Além dela, temos dois outros segmentos que consomem muita energia, vamos conhecer mais sobre essas realidades?

 

Indústrias

 

De acordo com dados da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), 36% da energia consumida em todo o país em 2018 veio do setor industrial.

 

Porém, fazendo um recorte dentro desse número, o segmento automobilístico é campeão! Isso porque as máquinas usadas para a produção de veículos são enormes e pesam demais, necessitando de uma maior quantidade de energia.

Hospitais

É fato que os hospitais não param. Isso já é um indicador importante para provar o quanto esse setor necessita diariamente de energia para deixar as máquinas altamente tecnológicas, os equipamentos e a iluminação interna e externa dos prédios funcionando.

 

Durante a pandemia, esse quadro se agravou e se tornou ainda mais forte. A pandemia aumentou a procura por hospitais, muitos ficando sem leitos, inclusive, o que representa um consumo de 100% da capacidade energética do hospital.

 

Portanto, traz a necessidade ainda maior da locação de geradores de energia de qualidade em hospitais, pois pacientes de todo o Brasil precisam desse suporte sem interrupção.

 

Shopping Centers

Líderes do setor comercial, os shopping centers também fazem parte dessa grande lista. Imagine juntar lojas de diferentes ramos, praças de alimentação, cinemas e outras atrações em um único lugar!

 

Claro, além disso, existem os gastos pelo uso diário e contínuo do ar-condicionado e iluminação, que são indispensáveis para a manutenção e funcionamento desses grandes e modernos espaços.

 

Leia também: Como acompanhar e prever os gastos com energia elétrica da sua empresa

Soluções para gastos energéticos elevados

 

Após a contextualização geral sobre os principais setores, é hora de apresentar formas práticas e palpáveis que vão ajudar a reduzir ainda mais o gasto de energia elétrica da sua empresa.

 

Claro, alguns podem até achar impossível, mas vamos provar que existem maneiras muito eficazes para isso, incluindo investir no mercado livre de energia elétrica.

 

Quer saber como gerar uma maior taxa de lucro diminuindo as despesas da sua companhia? Continue lendo!

 

Adquira produtos de consumo energético A – Selo Procel

 

Um bom primeiro passo é trocar alguns dos seus equipamentos elétricos de maior consumo energético para equipamentos de alto desempenho, de acordo com o Procel (Programa de Conservação de Energia Elétrica), selo do Inmetro.

Dessa forma, os equipamentos são classificados da letra A até a G, sendo “A” o equipamento de menor consumo energético, por exemplo. Em comparação com outros produtos que não possuem o selo, eles consomem menos energia elétrica e ajudam sua organização a reduzir gastos.

 

Defina metas de redução

 

Trabalhar com metas é uma ótima forma de gerar resultados! Que tal fazer isso também com a redução da energia da sua organização e envolver todos os colaboradores em uma só campanha?

 

As metas de redução de consumo podem ser definidas pelas lideranças da empresa, principalmente analisando onde estão os maiores gargalos de desperdício, quais são as áreas da empresa que mais consomem energia, etc. Porém, todos podem e devem comprar essa causa para fazer acontecer.

Entre no Mercado Livre de Energia Elétrica

 

Você conhece o mercado livre de energia? Ele é um ambiente de negociação de energia elétrica onde as pessoas e empresas podem negociar livremente as condições comerciais como fornecedor, preço, quantidade de energia, período, pagamento, entre outras.

 

Diferentemente do mercado cativo (no qual você e provavelmente a sua empresa fazem parte), é possível negociar o preço da energia diretamente com os agentes geradores e comercializadores, reduzindo assim uma margem considerável de gastos com energia elétrica.

 

Outras vantagens do Mercado Livre estão no fato de que você tem um controle maior dos custos da sua empresa com energia elétrica, além de poder vender o que não consumir, comprar de acordo com o perfil da sua organização, consumir energia a partir de fontes renováveis e não se preocupar com as bandeiras tarifárias, por exemplo.

 

Além disso, de acordo com uma matéria do jornal Correio Braziliense, o consumo de “energia livre” subiu 9,3% em setembro de 2020, depois de um crescimento de 5,6% em agosto e 1,5% em julho, indo na contramão do mercado cativo de energia, representado pelas distribuidoras, que se encontra em queda, sendo 0,8% em setembro, 0,9% em agosto e 3,2% em julho. Incrível, não?

 

Muitas organizações já conseguiram se inserir no mercado livre de energia e alcançar números incríveis com a redução das suas contas e despesas. Assim, elas gerenciam melhor os seus lucros e investem de forma assertiva e consciente em outras estratégias que conseguem trazer mais resultados.

 

Por sorte, existem empresas como a ícone energia que conduzem todo o processo e conseguem direcionar a sua companhia para os melhores resultados dentro desse mercado que só traz benefícios.

 

Se você tiver interesse em conversar mais sobre esse mercado continue no blog para ler mais ou entre em contato conosco!


Continue lendo

Saiba tudo sobre o
Mercado Livre de Energia
Assine nossa newsletter.